quarta-feira, 15 de julho de 2015


Enquanto houver trabalhos para homens e trabalhos para mulheres nunca haverá igualdade. 
Não pode um homem ser manicure? Não pode uma mulher trabalhar nas obras?

13 comentários:

Adelisa M. disse...

Claro que pode, mas é tudo uma questão de mentalidades

Cherry disse...

Não podia estar de acordo. Hoje em dia ainda existe muitas desigualdades entre homens e mulheres.
Beijinhos,
Cherry

http://lifeofcherryblog.blogspot.pt/

Cherry disse...

Concordo. Hoje em dia ainda existem muitas desigualdades entre homens e mulheres e enquanto houver gente a pensar assim, estas desigualdades vão continuar a existir.
Beijinhos,
Cherry

http://lifeofcherryblog.blogspot.pt/

Pedro Sampaio disse...

Concordo :)

Ella disse...

Concordo contigo mas há uma separação anatómica que nunca podemos completamente lutar. Claro que um homem pode ser manicura mas terão todas as mulheres capacidade física para andar nas obras? Acho que empregos igualmente pagos ou não descriminação por a mulher estar em idade fértil ainda estão em primeiro lugar.

Carolina. disse...

Eu ia comentar o mesmo da Ella. Nem todos estamos feitos para as mesmas coisas. E isso não se prende por ser homem ou mulher mas a verdade é que, regra geral, os homens são melhor opção para trabalhos mais físicos.

Neuza disse...

Tal e qual Girl!

Daniela da Costa Silva disse...

!!!!!!! isto!

Effy Stonem disse...

É verdade, mas acho que será sempre assim infelizmente.

Inês disse...

Eu concordo contigo. Quanto ao assunto de estar fisicamente preparado, isso não significa que se tenha de colocar limites partindo do pressuposto essa premissa. Não existem qualificações necessárias para alguns trabalhos? Requisitos? Então podem perfeitamente colocar esses requisitos também sem descriminação de género. Podem fazer testes, podem pôr à experiência, sem que haja diferenciação homem/mulher. Não podia concordar mais!

Olívia M. disse...

Isto é tão verdade, infelizmente!

Evelyn disse...

É bem verdade, há homens com muito jeito para profissões designadas de "mulher" e vice versa!

annie lancaster disse...

Verdade infelizmente