sábado, 6 de setembro de 2014

Amor | A Rutura


Todos temos medo de falhar, de não dar o nosso melhor ou de simplesmente não ter a coragem necessária.
Todas as relações são inspiradas no eterno amor, aquelas verdadeiras, mesmo a sério, que imaginamos morrer velhinhos ao lado daquela pessoa. São amores plantados na melhor época e regados a cada dia à hora certa. São delicados e extremamente dóceis. São os mais perfeitos aos nossos olhos.
E depois? Depois de tanta perfeição o que se segue? A carência, a desilusão e a tristeza. 
Porquê? A hora de regar, de cuidar deixou de ser certa. Deixa-se esquecer um dia ou outro... 
Deixa-se ir, por já não mais saber o que fazer para voltar a ter de volta.
Simplesmente vai...

10 comentários:

Hanna H. disse...

Como eu entendo aquilo que escreveste! Se precisares de alguma coisa estou aqui :)

Effy Stonem disse...

Nem todos tem de ter um fim..
R: É mesmo, sabe mesmo bem :)

Hanna H. disse...

r: hummm... anda-me a apetecer muito crepes.. tenho que fazer :D Se quiseres mando-te uma fatia do meu bolinho para te animarb:D De nada querida *.*

Ana Barbosa disse...

Obrigada Daniela!

Lani disse...

Ohh, espero que fiques bem :s *

A disse...

Precisas de falar? :\

Hanna H. disse...

r: Vai já a caminho! :D

Margarida C. disse...

Infelizmente isso acontece muitas vezes...

Aaminah disse...

as relações são complicadas :/

Audrey Deal disse...

Oh querida não tem de ser assim sabes? Força e se precisares de algo diz!