sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Blogmessage | Sonhar dá-me vida


Nós nunca vimos o pôr do sol juntos. Nunca passeamos numa praia deserta juntos. Nunca vimos as estrelas juntos. Nunca vimos nascer o dia juntos. Nunca pintamos uma parede juntos. Nunca construímos nada juntos. Nunca escrevemos cartas de amor. Nunca viajamos juntos.

Provavelmente muitas das coisas que em cima disse que nunca fizemos, nunca viremos mesmo a fazer. Talvez se percam no tempo, com os anos há desejos que mudam e há prioridades que se colocam.

A verdade, é que eu quero fazer muitas daquelas coisas. Eu quero! E se que quero já é meio caminho andado para elas acontecer. Quero sentar-me na areia, sentir a brisa e ver o pôr do sol. Quero passear de mãos dadas contigo junto à água, sozinhos numa praia completamente só nossa. Quero deitar-me na relva e ver as constelações mais bonitas do céu. quero ver as figuras que elas formam. Quero pintar uma parede, cheia de cor em que o produto final não seja uma simples parede, mas sim uma parede com arte que saiu das nossas mãos. Quero construir aquela casa da árvore que desde pequena sonho ter, quero que a construas comigo e que mais tarde possamos ver com orgulho os nossos filhos lá a brincar. Quero escrever uma carta de amor de amor, não a mais colorida com muitos coraçõeszinhos como fazia na escola primária, mas sim aquela que por escrito tente demonstrar o meu amor por ti, o meu puro amor por ti. Quero viajar contigo, quero ir ao cliché de Paris, ao movimento de Nova Iorque e quero sentir-me como se estivesse no filme Mamma Mia nas ilhas Gregas.

Sonhar não paga imposto! E sonhar em fazer tudo isto contigo é o que irei continuar a fazer! Eu sonho e sonhar dá-me vida!

4 comentários:

Luna disse...

verdade :)

Aricia disse...

Eu já fiz tanta coisa das que referiste *.*

Hanna Marin disse...

Percebo :c

A. M. disse...

ohh, adorei**